Páginas

Era necessário, necessário tentar colocar para fora tudo que estou sentindo, mesmo sabendo que não lerás. Ninguém mais tem paciência para meus sentimentos. Tudo aconteceu tão rápido, você voltar e você sair da minha vida e agora nem sei se você algum dia vai voltar. Fica a sensação de que você cansou da menina ingênua, pura, acanhada, inexperiente. Parece que foi um jogo, você me queria de volta, mas descobriu, no meio do caminho, que não era bem isso que você queria. Que na verdade, era muito melhor estar sozinho e apenas curtir com outras mulheres, sem compromisso. O que sei é que para mim tudo isso foi muito sério. E será que alguém está pensando em mim, em como eu fiquei com tudo isso? Não me importo com você me dizendo que me libera do compromisso, nem que o que vivemos foi especial, eu quero saber onde foi parar todos os seus planos, sua admiração por mim, seu amor. O que aconteceu com tudo isso? Se eu era a mulher da sua vida, seu anjinho, por que não sou mais? O que mudou, o que fiz de errado? Você tinha tanto prazer de me ter contigo, de me apresentar para os seus amigos, falar de mim pra eles e agora você nem lembra mais que existo. E me desculpe, mas não pode ser apenas por causa do trabalho. Será que você não entendeu que o que me incomodava não era o fato de não poder estar contigo, mas o fato de você não compartilhar suas coisas comigo por livre e espontanea vontade? De você não entender que mais do que sua amiga, ou namorada, rolo, mulher, sei lá, eu queria ser sua companheira? Você despertou em mim o desejo de cuidar de alguém, de ter uma outra vida. Eu cheguei no ponto que estou profissionalmente realizada, de uma forma ou de outra tenho minhas coisas e só me faltava o amor, que na verdade sempre esteve ali e foi personificado no dia que você disse que me amava. É, você acreditou tanto que dizer "eu te amo" para uma pessoa estragava tudo, que estragou e está me fazendo sofrer, a mulher que te ama há 10 anos, que custou para aceitar que não podia te ter de volta e que você fez despertar o amor adormecido dentro do peito. Eu me atirei de cabeça, sem olhar para trás. Aceitei suas manias, seus pensamentos, respeitei tuas vontades, fui quase submissa, coisa que não é da minha natureza, tudo porque te perder era a pior visão que eu podia ter e pra que, no final eu fiquei sem você do mesmo jeito e sem saber o que fiz de errado. Eu sei que meu coração não mentiu quando me disse que era você o homem da minha vida e isso era tão evidente que qualquer um via, até quem nem me conhecia direito."Eu só queria saber onde estou errando para consertar"... você não vai lembrar dessa frase, mas é sua e estou me apropriando dela para te questionar isso... onde eu errei? Não entra na minha cabeça que uma pessoa que me tecia tantos elogios, que me olhava tão fundo nos olhos simplesmente tenha deixado de me amar. Ah o trabalho te deixou muito stressado, beleza, mas a vida é mais do que isso, a gente passa a vida fazendo várias coisas ao mesmo tempo e só você não consegue, nem se quer pensar e nem vem com essa papinho de que sou funcionária pública, não trabalho mesmo, porque sou contadora e tenho muita responsabilidade e infelizmente minha profissão exige que eu tenha estudado e de preferência não pare. Mas isso também não vem ao caso, você já sabe o que me entristece. E eu só queria poder sair dessa espera e saber se você vai me querer de volta ou se a nostalgia passou e você quer mesmo continuar com está. Só lembre-se que você não pode me penalisar pelo que outras mulheres fizeram com você, às vezes você parece que queria me castigar por elas, sendo às vezes frio, às vezes fechado, esquivo. Eu só queria poder merecer um pouquinho da sua atenção, mas isso quem decide é você. Eu? Eu vou continuar esperando porque não é possível amar duas pessoas e só com paixão não consigo levar um relacionamento adiante. Eu te amo, não esquece!

0 comentários: